Browsing Category

Falando em LIVROS

Falando em LIVROS

Dearly Departed – Para quem gosta de romace sobrenatural!

Hoje vou indicar um livro que eu comprei por acaso, mas acabei adorando!

dearly-departed
Dearly Departed
O amor nunca morre

Ela é Nora Dearly, uma garota neovitoriana de 17 anos que sofre com a morte dos pais e vive infeliz aos cuidados da tia interesseira.

Ele é Bram Griswold, um jovem soldado punk, corajoso, lindo, nobre… e morto!

No ano de 2187, em meio a uma violenta guerra entre vitorianos e punks, surge um perigoso vírus, capaz de matar e trazer novamente a vida. As pessoas tornam-se zumbis, mas nem todos são assassinos devoradores de carne. Há os que lutam para que o vírus não se espalhe.

Apenas Nora tem o poder de cura em suas mãos, ou melhor, em seu sangue. Ela não sabe disso, e corre perigo. É papel de Bram protegê-la… e amá-la.”
Continue Reading

Falando em LIVROS

Falando em Cinquenta Tons de Cinza

Cinquenta Tons de Cinza

Resolvi falar minha opinião sobre essa trilogia que entrou na moda tão rapidamente quanto a saga do triangulo amoroso mais exótico da ficção, Crepúsculo. Abaixo um resumo do livro e oque na minha opinião é o livro.

50-tons-de-cinza
– Ficção –
1- Cinquenta Tons de Cinza
“Anastasia Steele, 21, estudante universitária e virgem que não consegue dizer não ao gostoso e multimilionário Christian Grey de 27 anos de idade. (Creio que ninguém diria não a um cara desses.)
Grey insiste que Ana assine um contrato que lhe permite ser seu dominador e que ela se torne sua submissa se sujeitando a todos os seus caprichos sadomasoquista.
Em seu primeiro encontro sexual, Grey revela a gravata prata e prende a pobrezinha com alguns nós no pulso, e essa gravata acaba por ser o primeiro instrumento de “tortura” que ele usa com ela.
Já falei que ele é um gostosão muito rico?? Pois é, o cara é um magnata das telecomunicações, e usa sua riqueza para tratar Ana como uma princesa mimada que tem de ter tudo do bom e do melhor.
Grey instrui a “pobre coitada” a chamá-lo de “senhor”, e estabelece regras sobre tudo, desde a dieta aos seus cuidados mais íntimos com higiene pessoal.“

Pois é, eu li o livro e no meu ponto de vista o livro é bom. Não extremamente maravilhoso, mas bom, muito bom até. Os diálogos do casal podem não ser lá grandes coisa, mas ainda assim é bom. O que mais me deixou fixada no livro não foi a história dos dois em si, foi a história dele. A vida de Grey envolve muito mistério e isso acaba nos deixando com a curiosidade aguçada. Outro ponto muito bem escrito e superinteressante é a parte sexual do livro. Quase que podemos sentir a presença de Christian Grey quando lemos com atenção e concentração. E isso foi um ponto muito positivo. Os pontos negativos são todos envolvendo ela. Fala sério, a garota tem 21 anos, é virgem, mas quase todos os bons partidos a querem. A mulher é desengonçada, mas atraiu o cara mais lindo e rico da cidade. O cara quer dar de tudo pra ela e ela fica fazendo doce. Ele não pode espirrar que ela fica cheia de tesão querendo dar loucamente. Ela pede que ele bata e quando ele o faz ela chora e corre. Porra, essa parte foi muito sem graça.

Mas em fim, a parte da historia de Grey vale a pena, recomendo o livro e a trilogia.

Continue Reading